Mulheres e a Autoestima

A autoestima desempenha um papel crucial na vida das mulheres

Influencia a autoconfiança, felicidade e bem-estar geral. Mas você sabia que a autoestima também pode afetar significativamente os relacionamentos que elas estabelecem? Neste artigo, exploraremos a importância da autoestima para as mulheres e como ela pode impactar os relacionamentos amorosos, a amizade e as relações familiares. Entender essas conexões é fundamental para promover relacionamentos saudáveis e significativos. Vamos mergulhar nessa jornada de autodescoberta e crescimento pessoal.

A autoestima é a percepção e o valor que uma pessoa tem de si mesma. Para as mulheres, a autoestima desempenha um papel fundamental em sua capacidade de se afirmar, estabelecer limites saudáveis e buscar relacionamentos que sejam positivos e satisfatórios. Quando uma mulher tem uma autoestima saudável, ela tende a se sentir confiante, valorizada e capaz de expressar suas necessidades e desejos de maneira assertiva.

Autoestima feminina

Homens e mulheres tem desafios diferentes no mundo, entretanto, sentimos que nós mulheres somos mais exigidas ao mesmo tempo em que somos mais expostas a abusos.

Apesar de esta realidade estar mudando, ainda somos educadas de forma diferente: “menina não fala palavrão”, ou “senta de perna aberta”e somos incentivadas a estarmos “bonitas” e bem arrumadas, como se sermos amadas ou não dependesse disso. Aprendemos desde cedo a cuidar do outro (nas brincadeiras com bonecas e casinhas), e assim começa o “treinamento” para nos colocarmos em segundo plano.

A mídia e os padrões de beleza são muito mais cruéis conosco pois assim nos tornaremos ávida consumidoras. Ainda temos que provar nosso valor no mercado de trabalho e continuamos ganhando menos e sendo menos promovidas. Sofremos assédio e nos culpamos “O que eu fiz de errado”? Sofremos abusos de todos os tipos, todos os dias. 

Se não bastasse tudo isto, a cultura cristã diz que fomos expulsos do paraíso por causa de Eva, sua desobediência e arrogância. É cultural, social e estrutural. Por todos estes motivos a nossa autoestima é mais frágil e um grande desafio.

O que mais afeta a Autoestima das Mulheres?

Por experiência, aqui na Academia de Autoestima, o que observo que mais impacta a Autoestima de mulheres é:

  • Padrões socio-culturais de beleza e atributos físicos: A mulher ocidental, especialmente a latina, impõe-se modelos quase estereotipados de beleza. Como resultados temos uma indústria próspera de harmonização facial e afins.
  • Relacionamentos abusivos: Este é um ciclo difícil de quebrar: Mulheres com baixa autoestima submetem-se a relacionamentos abusivos que acabam ainda mais com suas autoestima. Reconstruir-se após um relacionamento abusivo (seja físico, emociona ou moral), é um processo longo.
  • Dependência financeira do cônjuge: Esta situação depende muito da dinâmica do casal. Alguns parceiros usam do poder financeiro para exercer controle, impondo suas vontades fazendo com que estas mulheres percam autenticidade.
  • Frustração profissional: Sentem-se incapazes e não confiam em seus potenciais, não arriscam, não se expressam. Muitas tem realizações aquém do potencial.
  • Deixar de cuidar-se após se tornarem mães: É natural voltar a atenção para um bebê que depende completamente de você, assumem o papel de mãe e acabam deixando os outros de lado. Acabam com saudades de si mesmas, da época em que se cuidavam.
  • Falta de propósito e objetivos: Viver sem objetivos é viver no piloto automático, na rotina de trabalhar e pagar contas. Todas temos desejos a serem realizados e não lutar por eles é não lutar por si mesma.
  • Comparação: Quando você se compara você perde, simples assim. Sempre vai ter alguém melhor.  

Prefere ouvir? Aperte o play 😉

Autoestima e relacionamentos amorosos

A autoestima pode ter um impacto profundo nos relacionamentos amorosos das mulheres. Quando uma mulher tem uma autoestima baixa, ela pode se sentir insegura, desvalorizada e pode ser mais propensa a tolerar comportamentos prejudiciais ou abusivos. Por outro lado, quando uma mulher tem uma autoestima saudável, ela está mais propensa a estabelecer relacionamentos saudáveis, baseados em respeito mútuo e apoio emocional.

Lidando com inseguranças nos relacionamentos:

As inseguranças podem surgir em qualquer relacionamento, mas uma autoestima saudável pode ajudar as mulheres a lidar com essas questões de forma mais eficaz. É importante que as mulheres aprendam a reconhecer e enfrentar suas inseguranças, comunicando abertamente com o parceiro sobre suas preocupações e buscando apoio emocional quando necessário. Ao trabalhar em sua autoestima e autoaceitação, as mulheres podem fortalecer sua confiança e melhorar a qualidade de seus relacionamentos.

Como a autoestima afeta amizades: 

A autoestima também tem um impacto significativo nas amizades das mulheres. Quando uma mulher possui uma autoestima baixa, ela pode ter dificuldade em estabelecer e manter amizades saudáveis. Ela pode se sentir insegura sobre seu valor como amiga, duvidar de sua capacidade de contribuir para os relacionamentos e se afastar socialmente. Por outro lado, uma mulher com autoestima elevada tende a cultivar amizades positivas, nas quais se sente valorizada, respeitada e capaz de oferecer apoio emocional.

Como a autoestima afeta as relações familiares:

A autoestima também desempenha um papel crucial nas relações familiares das mulheres. Uma autoestima baixa pode levar a sentimentos de inadequação, ressentimento e até mesmo dificuldade em estabelecer limites saudáveis com membros da família. Por outro lado, uma mulher com uma autoestima saudável está mais apta a estabelecer relacionamentos familiares saudáveis, baseados em respeito mútuo, comunicação aberta e apoio emocional. Ela se sente valorizada como membro da família e é capaz de expressar suas necessidades e desejos de forma assertiva, promovendo uma dinâmica familiar mais equilibrada.

Dicas para fortalecer a autoestima e melhorar os relacionamentos:

1. Pratique o autocuidado: Reserve um tempo para cuidar de si mesma, tanto fisicamente quanto emocionalmente. Isso inclui alimentar-se bem, exercitar-se regularmente, buscar atividades prazerosas e investir em sua saúde mental. 

2. Desafie pensamentos negativos: Esteja atenta aos seus pensamentos autocríticos e aprenda a questioná-los. Substitua-os por afirmações positivas e realistas, reconhecendo suas habilidades, conquistas e qualidades únicas.

3. Busque apoio emocional: Compartilhe suas preocupações, medos e inseguranças com pessoas de confiança, como amigos próximos, familiares ou um profissional de saúde mental. O apoio de outras pessoas pode ajudar a fortalecer sua autoestima e fornecer perspectivas diferentes.

4. Defina limites saudáveis: Aprenda a estabelecer limites claros e assertivos em seus relacionamentos, comunicando suas necessidades e expectativas de forma respeitosa. Isso ajudará a construir relacionamentos mais equilibrados e satisfatórios.

5. Desenvolva habilidades de comunicação: Aprenda a expressar seus pensamentos, sentimentos e opiniões de maneira clara e assertiva. Isso contribuirá para uma comunicação aberta e honesta nos relacionamentos, facilitando a resolução de conflitos e a compreensão mútua.

Conclusão

Autoestima é desempenha um papel fundamental nos relacionamentos das mulheres. Uma autoestima saudável permite que elas estabeleçam relacionamentos amorosos, amizades e relações familiares mais gratificantes e equilibradas. Ao fortalecer sua autoestima e trabalhar em seu autodesenvolvimento, as mulheres podem cultivar relacionamentos baseados em respeito, apoio emocional e crescimento mútuo. Lembre-se de que a jornada para uma autoestima saudável é contínua, e o investimento em si mesma vale a pena para construir relacionamentos felizes e satisfatórios ao longo da vida.

últimos posts:

Mulheres e a Autoestima

Neste artigo, exploraremos a importância da autoestima para as mulheres e como ela pode impactar os relacionamentos amorosos, a amizade e as relações familiares. Entender essas conexões é fundamental para promover relacionamentos saudáveis e significativos. Vamos mergulhar nessa jornada de autodescoberta e crescimento pessoal.

Ler »

Desvendando o Segredo da Autoestima

Quando você se avalia de forma positiva existe autorrespeito e autoconfiança. Existe uma satisfação em ser quem é. A autoestima é o que pensamos, sentimos e acreditamos sobre nós mesmos.

Ler »

Estratégias infalíveis para aumentar a sua Autoestima

Sentir-se inferior, pensar mal de si mesma, se por pra baixo. Essas são algumas formas da baixa autoestima operar.

Se você passa por isto sabe o quanto prejudica e atrapalha a vida, de diversas formas possíveis e em diversas áreas. Para mudar a forma como você se vê e assim desenvolver uma autoestima positiva, é necessário mudar não somente o seu pensamento, mas também alguns hábitos.

Ler »

Jornada Semear

Autoconhecimento para mulheres que desejam se reconectar com sua essência e resgatar a autoestima

E-book

Autoestima: Sistema Imunológico da Mente; Autossabotagem

Microcast

Pequenos áudios para provocar reflexão e mudanças

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Academia de Autoestima

Técnicas e prática para desenvolvimento de Autoestima

Academia de Autoestima® 2024  – Todos os Direitos Reservados

Este site utiliza Cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao prosseguir você concorda com a nossa Política de Privacidade.